Vacinação da aftosa é necessária?

As vacinações bovinas são obrigatórias. Não apenas para evitar uma sanidade animal. Mas também, previnem contaminações aos consumidores dos produtores de origem bovina. Assim como carne e leite. Entre as mais importantes, está a vacinação da Aftosa.

Mesmo com um controle da doença no Brasil, há necessidade da vacina. Só assim iremos manter o Brasil com o certificado de País Livre da Aftosa.

Em maio de 2018, o Brasil, por meio do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), recebeu o certificado internacional que considera o país livre de Aftosa.

A doença é combatida há mais de 50 anos e foi controlada a partir da conscientização dos produtores rurais. Acima de tudo, isso aconteceu pela forte adesão da vacina.

Atualmente, o procedimento é obrigatório para todos os estados. Menos Santa Catarina.

 

Aftosa no Brasil 

 

A vacinação da aftosa é a mais conhecida na pecuária brasileira devido à alta incidência.

A doença causa grandes prejuízos econômicos por ser uma viral contagiosa.

As feridas são o sintoma primário, seguida de fraqueza e falta de apetite.

Essas feridas podem ser na boca, pele, mama, cascos e língua.

Além de fazer um controle de todo o rebanho, a vacina garante transações comerciais estrangeiras. Muitos compradores internacionais só adquirem o produto, após comprovação das vacinas.

 

vacinacao aftosa - Vacinação da aftosa é necessária?
Vacinação da Aftosa garante sanidade do rebanho brasileiro. – Foto: Reprodução Internet

Cada estado tem um calendário próprio de vacinação. Em conclusão, cabe ao produtor ficar atento às indicações das datas de cada Secretaria Estadual de Agricultura.

Na maioria dos estados, a vacinação é no mês de maio em animais adultos. E no mês de novembro em animais abaixo de 24 meses.

Dependendo da região, a vacinação acontece duas vezes ao ano.

O frasco da vacina, para ter eficiência, precisa ser armazenado em refrigeração entre 2ºC a 8ºC graus. Mantenha-o assim desde a compra até o uso no animal. Dessa forma, não deixe de ler: Saiba como conservar vacina para gado.

 

A dosagem é 2 ml por animal com aplicação subcutânea ou intramuscular. Essa quantidade foi alterada recentemente. A justificativa é proteger o gado de abscesso.

Caso o problema faça parte da sua pecuária, siga as orientações: Como evitar carne com abscesso?

 

 

Como fazer a vacinação

 

A aplicação da vacina da aftosa deve ser intramuscular, no local conhecido como tábua do pescoço. Pela facilidade, alguns produtores preferem aplicá-la no traseiro. Mas a região, por ser nobre, pode afetar o abate.

O manejo precisa ser cuidadoso para evitar o estresse. Por isso, recomenda-se um número adequado de funcionários para o dia de vacina. Tenha sempre dois funcionários. Um para cada 100 bovinos.

O bem-estar animal precisa estar presente todos os dias na sua propriedade.

 

Para que os processos da sua propriedade sejam bem sucedidos, acesse a dica: Qual o número ideal de profissionais na pecuária.

Essa dica fez a diferença na sua pecuária, amigo produtor?

Não saia da página sem deixar seu comentário.

Fica o convite para que você continue com a Boi Saúde. Acesse nosso canal de vídeos. É só clicar: Boi Saúde no YouTube.

 

 
Fim dos Parasitas - Vacinação da aftosa é necessária?Fim dos Parasitas mobile - Vacinação da aftosa é necessária?
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*