fbpx

Alimentos proibidos para gado: saiba os 5 mais perigosos

No desespero de evitar que o gado fique sem alimentação em tempos difíceis, algumas propriedades oferecem alimentos que estão disponíveis ali mesmo ou com baixo valor de mercado. O problema é que alguns deles causam danos perigosos à saúde animal e humana, inclusive, causando até óbito. Para que você não passe por essa situação, a Boi Saúde lista cinco alimentos proibidos para o gado.

Dessa forma, seus animais estarão protegidos e você não terá um prejuízo não apenas sanitário, mas também evitar ao máximo a morte de algum animal.

Entendemos que em épocas de economia fraca, manter a ração no cocho é difícil. Milho, soja e outros grãos ficam inviáveis de serem comprados em determinados meses do ano, quando as finanças da propriedade não vão bem.

Aqui, você vai entender porque não oferecer alguns alimentos muito comuns do nosso cotidiano e com o que alimentar corretamente o seu gado.

 

5 alimentos proibidos para o gado

 

1 – Cama de frango

A cama de frango é um material utilizado em granjas e disponível para venda em diversos locais. Porém, não com foco na alimentação do gado. É muito comum nos deparamos notícias sobre propriedades autuadas pelo uso da cama de frango, por meio de denúncias.

Por ser um fator de risco da doença popularmente conhecida como mal da vaca louca, o uso é proibido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Se você ainda utiliza ou conhece alguém, descontinue o uso. O preço de venda acessível é incompatível com os problemas que pode causar nos animais, na saúde humana e nos processos de protocolo sanitário.

Entenda mais detalhes: Cama de frango é permitida na pecuária?

 

2 – Farinha de ossos está entre os alimentos proibidos para gado? 

Outro produto proibido para ser usado como alimentação para bovinos, de acordo com a Instrução Normativa N° 8, publicada em 2004, pelo MAPA. O motivo da proibição é o mesmo da cama de frango. Os resíduos ali presentes podem desenvolver a doença da vaca louca, de nome científico Encefalopatia Espongiforme Bovina.

Esses dois primeiros produtos: cama de frango e farinha de ossos têm uso autorizado como adubo. Então, caso tenha na propriedade, suspenda agora mesmo o uso como alimentação e foque na adubação.

Confira mais detalhes: Como evitar intoxicação alimentar em bovinos?

 

3 – Samambaia está entre os alimentos pro

Uma planta muito comum na fauna brasileira, que inclusive é muito utilizada como decoração, é tóxica para o gado. Você tem ideia de qual seja? É a samambaia do campo, amigo produtor.

Dependendo da quantidade consumida, o bovino pode não resistir e vir a óbito devido a alta toxicidade desta planta.

A infestação da samambaia do campo acontece em solos ácidos e de baixa fertilidade. Ainda, pastagens e campos nativos também estão sujeitos.

E não são apenas os animais que sofrem. De acordo com comunicado técnico da Embrapa, leite proveniente de vacas que se alimentaram da samambaia, transmite os princípios tóxicos da planta aos humanos.

E os bezerros também correm o mesmo risco de intoxicação ao mamar desse mesmo leite. Outros pontos de contaminação que a samambaia do campo causa são no solo e a poluição de fonte de água potável.

Para se ter uma ideia da gravidade, no Estado de Santa Catarina essa é a principal causa de intoxicação por plantas tóxicas em bovinos e a segunda no Rio Grande do Sul.

A samambaia está entre os alimentos proibidos para o gado. Foto: reprodução internet

O broto é a parte mais tóxica da samambaia. Após queimadas e geadas, os princípios tóxicos aumentam. Alguns sintomas da intoxicação são pelos arrepiados, perda de apetite e de peso. Diarreia e sangue escorrendo pelas narinas também. Em casos mais graves, na bexiga do animal formam-se tumores ou nódulos.

Quando intoxicados, os animais não sobrevivem por mais de dois anos. O principal foco é a prevenção, com eliminação da samambaia da propriedade.

Por isso, sempre reforçamos sobre a importância de fazer varreduras no pasto, indo além dessa espécie de samambaia. Outro ponto de atenção é a superlotação. Quando há mais animais que a disponibilidade de alimentação, os bovinos recorrem a plantas como a samambaia, assim como na seca, há uma falta de pastagem devido a ausência de chuvas.

 

4 – Restos de comida humana e ração destinada a outros animais

O gado está com fome, você não se programou para comprar ração, nunca abasteça o cocho com ração destinada a outras espécies de animais. Restos de alimentos não consumidos pelos humanos também não é opção.

   


banner banner
 

Para comer de forma saudável, o gado precisa de pasto. Por isso, o planejamento alimentar e nutricional é tão importante não apenas no período sem chuvas, mas em todos os 12 meses do ano.

Agora, se você cria outras espécies e na falta de ração para gado, ficou tentado em abastecer o cocho para gado com a alimentação destinada a esses outros animais, desista agora mesmo. Você estará desperdiçando tempo e dinheiro, já que o desempenho esperado não vai acontecer, além de não ser o mais adequado.

 

5 – Silagem mofada, ração fora da data de validade 

É comum algumas partes da silagem mofar, principalmente se o tempo de armazenagem for grande. Sempre antes de oferecer para o gado, retire essa parte mofada. Geralmente, essa parte mofada fica na borda, o que facilita a retirada.

Verifique muito bem antes de oferecer no cocho e caso encontre algo com mofo, retire para que o gado não consuma.

O mesmo acontece com a ração. Como muitos produtores produzem a própria ração e armazenam para a seca, é sempre bom averiguar bem quando abrir as sacas.

E o local onde as sacas são guardadas precisam de cuidados básicos não apenas para preservar o material, mas também, evitar o temido botulismo, que pode levar o animal à morte.

Entenda mais: Sal mineral, proteinado e ração: saiba como armazená-los.

 

alimentos proibidos para gado
Agora que você sabe quais são os alimentos proibidos para gado, promova a melhor pecuária para seus animais. Foto: reproducao/@nelorequalificado

O que oferecer para o gado e evitar ao máximo os alimentos proibidos para gado?

Para que o gado não passe fome, planeje bem a alimentação e nutrição do gado. Uma ração simples, balanceada e que mesmo sendo feita na propriedade, resolve muito bem o problema.

Quando a propriedade se planeja, a possibilidade de falta de alimentação é muito baixa, seja pasto, seja ração.

Ainda na seca, comece a preparação e faça seu estoque. Aproveite o pasto verde e faça silagens para oferecer no cocho na seca. Prepare a quantidade ideal de sal proteinado para agregar maior valor nutricional e evitar a perda de peso.

Está com dificuldades em comprar grãos? Existem outras alternativas mais baratas, como o arroz, por exemplo. Saiba como: Ração para gado barata: como preparar?

   


banner banner
 

Referência

Plantas Tóxicas em Pastagens: Samambaia-do-campo (Pteridium esculentum subsp. arachnoideum (Kaulf.) Thomson, Família Dennstaedtiaceae). Comunicado Técnico 84. Juiz de Fora, MG Janeiro, 2018. Embrapa.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

×