Produção de silagem para o gado

É possível promover produção de silagem para o gado na própria propriedade?

Esse tipo de alimentação que pode ser salvação de toda a engorda do ano durante a seca tem a possibilidade de ser produzida de diversas formas e grãos.

Nesta dica, a Boi Saúde vai te indicar as silagens mais fáceis de serem produzidas para que você tenha sucesso na conquista de arrobas em todas as épocas do ano.

E o melhor da silagem é que muitos ingredientes podem ser cultivados na propriedade, sem custo com compra, possibilitando, inclusive, a venda como fonte de renda extra.

Por mais que a silagem resolva boa parte da alimentação, você também pode oferecer ração.

Na página receitas de ração para gado, você encontra dicas sobre o que oferecer para cada fase do gado.

Agora, vamos focar na produção de silagem para gado.

 

O que caracteriza a silagem?

 

É um método de produção que conserva os alimentos, que podem ser grãos, raízes e forrageiras, por meio de fermentação natural para alimentação de animais.

Durante a fermentação, que é necessário para a conservação, são produzidos ácidos, como o lático, por exemplo, que atuam diretamente no pH do animal.

 

Produção de silagem para gado

 

Uma informação que não deve ser deixada de lado é a quantidade de silagem para atender a demanda de todos os bovinos, e até outras espécies como equinos, que serão alimentados.

Caso a produção seja nas águas para atender a demanda da seca, faça um planejamento.

Para não produzir silagem a mais e desperdiçar recursos e também em menor quantidade, confira a dica complementar: Qual o consumo de silagem por boi no dia?

Antes de se programar para a produção de silagem para gado, verifique qual atende melhor a sua pecuária, corte ou leite, e também quais as culturas que mais prosperam no seu solo.

E não esqueça de checar os maquinários e da mão de obra, de acordo com a necessidade de material que precisa ser produzida.

 

Milho

 

A silagem de milho é uma das mais utilizadas na pecuária.

O cuidado principal é ter atenção no ponto da colheita. A época mais indicada é quando o milho está com 30% de matéria seca, que é quando os índices nutricionais estão no auge.

Assim como toda silagem, o ponto de fermentação não pode passar. Todo o oxigênio deve ficar de fora para não causar nenhum problema no momento da conservação.

Saiba mais: Inoculante para silagem de milho é necessário?

 

produção de silagem para gado
Produção de silagem para gado auxilia a manter os animais bem alimentados e nutridos. – Foto: Grupo Duckas

Forrageira

 

Já que a pastagem é a base de alimentação do gado, a silagem de forrageira é uma opção para manter o fornecimento na seca.

Para ter aproveitamento adequado, a máquina deve ser programada para partículas entre 0,5 e 2,5 cm.

Outros cuidados a serem tomados é não deixar entrar ar no silo. E manter os animais longe do local para evitar qualquer contaminação com dejetos.

Para tirar a dúvida se a a silagem substitui o pasto, não deixe de clicar: A silagem para bovinos substitui o pasto?

 

Sorgo

 

O sorgo é um grão que também é muito utilizado na pecuária.

Por ser um cereal rico em amido, tem valor nutritivo quase igual ao milho.

Tem boa produtividade para o gado leiteiro, devido ao alto teor de fibras.

Acesse:

 

Grão úmido

 

A silagem de grão úmido tem vantagens como maior digestão e melhoria da eficiência alimentar, quando comparado com a silagem de matéria seca.

E manter o gado com boa digestão tem como reflexo o resultado direto na balança.

Para saber como fazer esse tipo de silagem, clique: Como fazer silagem de grão úmido?.

 

Cana 

 

A silagem de cana é outra opção barata e de fácil acesso, pela possibilidade de ser cultivada na propriedade.

Ofereça-a no mesmo dia que for produzida para não perder os nutrientes. Isso acontece após a trituração que precisa ser feita no ponto de colheita.

Você pode inserir cal hidratada para melhorar ainda mais o desempenho desse formato de silagem. A dosagem indicada é 1 quilo de cal para cada 100 quilos de cana.

A cal também aumenta a preservação da silagem e ao ser adicionada pode ser oferecida até três dias após a produção.

Saiba como evitar abelhas no cocho ao oferecer cana: Como evitar o acúmulo de abelhas no cocho de animais?

 

A engorda do gado não vive só de silagem… 

 

Por mais que a silagem possa ser oferecida em todas as épocas, é na seca que o uso é potencializado.

Porém, amigo produtor, não basta ter alimentação adequada em nutrição, quantidade e qualidade.

Se você já faz isso, está indo muito bem e possivelmente na frente de muitos outros.

Caso ainda não faça, é possível corrigir agora mesmo.

O importante é sempre manter a nutrição da silagem complementada com os aditivos e os sais: mineral e proteinado.

Esses suplementos não são itens de luxo, mas necessários para um produção que atinja as expectativas ao melhorar o desempenho do gado, não importa a sua pecuária: corte ou leite.

 

E se você gostou dessa dica, não esqueça de comentar logo abaixo e compartilhar o conteúdo com seus amigos e colegas.

Vamos fortalecer o agro por meio da nossa comunidade, agregando mais conhecimento e valor ao nosso setor!

A Boi Saúde agradece sua companhia por aqui. Se quiser mais dicas, acesse nosso canal de vídeos: dicas sobre pecuária no YouTube.

 

Não deixe de complementar esse conteúdo:

 
banner banner
 

2 pensou em “Produção de silagem para o gado”

  1. Lucas siriano disse:

    Muito boa a portilha vai nos ajudar bastante

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Lucas, obrigado pelo comentário, continue nos acompanhando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Black Week