Como fazer silagem de grão úmido?

Entre as diversas formas de alimentação do gado está a silagem com grão úmido. A cultura mais utilizada em nosso país nesse processo é a de milho. Nesta dica, vamos conhecer as vantagens e a melhor maneira de oferecê-la aos nossos animais.

Essa forma de alimentação de gado não é novidade. Produtores servem a silagem com grão úmido desde a década de 70 aqui no Brasil. O uso é muito comum na pecuária leiteira.

Mas afinal, o que será que consiste a silagem com grão úmido? Não importa o formato do grão, amigo produtor. Esse pode ser inteiro ou mesmo moído. O que vai impactar é a umidade desse grão, que deve ser entre 35% e 45%.

 

Por que oferecer silagem com grão úmido? 

 

Estudos indicam que esse tipo de silagem proporciona mais índice de energia para o gado. Entre os motivos estão a fermentação e o índice de PH que o grão oferece nesse estado. Com isso, melhora a eficiência alimentar e maior digestibilidade quando comparado com a silagem de matéria seca.

 

como fazer silagem de grão úmido
Silagem com grão úmido tem vantagens energética. – Foto: Fazenda Taquarucu

Outra vantagem que não podemos deixar de citar é a duração. Pode ser armazenada por até dois anos, desde que todo o processo seja feito de forma correta, a ponto de conservar todos os nutrientes do grão. Só não esqueça que o armazenamento precisa ser correto. O risco de botulismo em alimentos maus conservados é alto. Se essa doença te preocupa, saiba como mantê-la longe da sua propriedade: Como prevenir o botulismo na pecuária.

Se você quer oferecer a silagem, mas ainda não sabe a quantidade de acordo com o número de cabeças, preparamos uma dica para te ajudar: Quanto um boi come por dia de silagem. 

Confira também todo nosso conteúdo sobre silagem: Dicas sobre silagem da Boi Saúde.

 
banner banner
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*