Engorda de boi a pasto: tire suas dúvidas

A Boi Saúde, sempre preocupada em promover informações para garantir o crescimento sadio da agropecuária brasileira, tira as principais dúvidas sobre engorda de boi a pasto.

O sistema a pasto é muito utilizado no Brasil, apesar do confinamento estar crescendo a cada ano. Manter o gado do pasto para ganhar ainda é a forma mais utilizada pelos produtores, principalmente, os pequenos.

Agora, vamos as respostas das principais dúvidas sobre o assunto:

 

Sistema

 

Qual a vantagem entre a engorda de boi a pasto e o confinamento? A engorda de boi a pasto pode ser feita em propriedades de todos os tamanhos. Tem a vantagem de se fazer desde o nascimento da cria até a terminação.

Qual o tempo de engorda de boi a pasto? Todo o processo dura 18 meses. O descarte do animal é realizado aos 20 meses.

Existe algum número ideal de animais no mesmo pasto? Existe sim, não apenas pela eficácia na nutrição. Mas também com foco na proteção dos animais. Por viverem em grupos, os bovinos são liderados sempre por um animal. E, algumas vezes, pode acontecer brigas e conflitos por hierarquia e também pelo domínio do território. Então, manter o número de 100 animais por lote é o ideal.

Como devo iniciar o sistema de engorda de boi a pasto? O ideal é iniciar no período das águas, entre setembro e outubro. Dessa forma, os animais não passarão por dois períodos de seca. Apenas um, o que evita a perda de peso. Ainda, estarão livres de doenças que acometem o gado como parasitas.

 

Engorda

 

Quanto de peso o boi ganha por dia? Geralmente, o ganho de peso por animal ao dia é de 1,5 Kg.

Qual o ganho de peso mensal por animal? O produtor pode monitorar o ganho de 50 kg por mês. Porém, vários fatores influenciam: clima, pastagem, alimentação, manejo, suplementos.

Devo fazer pasto rotacionado? Sim. É a melhor forma de oferecer um pasto com nutrientes o ano todo devido a conservação do alto teor nutricional do capim encontrado na sua propriedade. O descanso, de pelo menos 30 dias de cada piquete, é fundamental para que o seu gado usufrua do pastejo rotacionado da melhor forma possível. Assim o produtor terá o retorno financeiro esperado, a partir do aumento da produção de leite e de peso no gado de corte.

Quais raças são as ideais para o pasto? Nelore, Gir, Tabapuã, Guzerá e Sindi estão entre as mais utilizadas no Brasil. A facilidade e resultados são promissores.

 

Engorda de boi a pasto é ótima opção para pequenos e médios produtores
Engorda de boi a pasto é ótima opção para pequenos e médios produtores. – Foto: Reprodução Internet

Período da seca

 

Qual a melhor estratégia para o período de seca? Suplementação. Não é segredo, mas muitos pecuaristas pensam que no início da seca precisam intensificar os cuidados com a alimentação dos bovinos. Porém, é no período das águas que todo o trabalho para evitar a perda de peso na seca começa. Se o bovino chegar na seca bem nutrido e com o peso esperado, mante-lo será bem mais fácil. Por isso, amigo produtor, foco no sal mineral todos os meses do ano!

Qual o melhor tipo de complementação na alimentação do gado? Para melhorar os resultados com o uso dos suplementos minerais para bovinos, verifique quais nutrientes faltam em seu pasto. Dessa forma, será possível completar  e suprir a falta de cálcio e fósforo, fundamentais para a reprodução. E também manter a saúde do rebanho adequada para manter o sucesso esperado nos negócios.

 

Suplementação e alimentação

 

Como posso ministrar o cocho se os bovinos não estão se alimentando direito? Faça mistura de um melaço de cana e fubá que farão os animais terem um consumo imediato da alimentação oferecida no cocho. Esse procedimento pode ser feito apenas nos primeiros dias, até o rebanho se acostumar com os novos suplementos.

Como formular um proteinado de engorda de boi a pasto? O sal proteinado é fundamental no processo de engorda do boi, principalmente no pasto.

Para corrigir a deficiência de pastagem especificamente no período da seca, é possível preparar uma mistura caseia para amenizar os danos, conformo abaixo:

  • 12kg de ureia;
  • 25kg de sal branco;
  • 10kg de sal mineral;
  • 40kg de farelo de soja;
  • 30kg de milho moído.

Poderá ser utilizado um misturador. Faça com que essa mistura fique bem homogênea com esses ingredientes. Sirva ao gado na proporção de 0,2% do peso do animal. Isso significa se seu animal pesa 500kg, você deverá servir 1kg do alimento por dia.

O sal proteinado deve sempre estar disponível? Sim. Esse tipo de sal aperfeiçoa o aproveitamento dos nutrientes, reduz o tempo para o abate e promove excelentes resultados na pecuária de leite e corte, além de evitar queda na produtividade e o uso é necessário.

Para potencializar o ganho de peso do seu rebanho, tire todas suas dúvidas sobre o uso da virginiamicina: Virginiamicina: saiba tudo sobre o composto.

 
Boi Saúde Logo Preto - Engorda de boi a pasto: tire suas dúvidas

Virginiamicina:
Alavanque os resultados a com Virginiamicina!


6 pensou em “Engorda de boi a pasto: tire suas dúvidas”

  1. JOAO ALBERTO CAMARA CLARK disse:

    Olá como consigo um planejamento completo para criar 50 Garrotes em pasto rotacionado com silagem de cana como suplemento

    1. Olá João, obrigado pela pergunta, sugiro que envie um e-mail para “contato@boisaude.com.br” para que possa obter uma resposta completa! Continue nos acompanhando, abraços!

  2. FERNANDO GONCALVES LEMOS disse:

    Muito boa a explicação, em média suplementar nas águas e na seca no pasto rotacionado, quanto de peso consigo por unidade dia

    1. Olá Fernando, obrigado pela pergunta, sugiro que envie um e-mail para “contato@boisaude.com.br” para que possa obter uma resposta completa! Continue nos acompanhando, abraços!

  3. Wesley Da Silva Nunes disse:

    Orientação simplificada e objetiva..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo
Bitnami