Posso dar v-max virginiamicina para vacas prenhes?

Gostou? Compartilhe!

A v-max virginiamicina é um composto muito utilizado na pecuária. Mas mesmo assim, alguns produtores têm dúvidas quanto ao uso.

Ainda mais, quando se trata de matrizes, que realmente merecem cuidados especiais. Por isso, nesta dica de hoje, vamos tirar as dúvidas sobre o uso da virginiamicina em vacas prenhes.

Antes da resposta, entenda o que é a virginiamicina.

Em primeiro lugar, é um composto antimicrobiano que melhora a produtividade e desempenho do gado. Estudos indicam o aumento de 15% do peso vivo ao mês.

Em segundo lugar, o composto é uma tecnologia que permite ao animal uma melhor performance dentro das condições oferecidas pelo produtor e com entrega de um bom resultado. Além disso, melhora a imunidade.

Contudo, o uso é permitido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Pesquisas e estudos indicam os benefícios do uso pela proteção ao organismo do animal.

 

Posso dar v-max virginiamicina para vacas prenhas?

 

Sim, pode usar, amigo produtor. A vantagem é manter o peso da matriz, já que a tendência é o animal ficar abaixo do peso após o parto.

Ainda, vacas que fazem o uso do composto aumentam a produção de leite, bem como promovem a redução do ácido. A virginiamicina pode ser oferecida em todas as fases da gestação.

O essencial é manter uma boa nutrição até mesmo antes da vaca ser fecundada. Dessa forma, não só o organismo dela, mas também o do bezerro que será formado, estarão assegurados.

Para saber como oferecer o suplemento, confira a receita: Ração para vaca de cria.

Além disso, vacas estressadas que atuam na reprodução, não produzem bem. Por isso, sempre atue de acordo com o bem-estar animal.

Tenha sempre ambientes seguros, calmos e limpos. Sua propriedade tem pasto-maternidade?

Saiba mais:

 

Posso dar v-max virginiamicina para vacas prenhas?
Posso dar v-max virginiamicina para vacas prenhes? – Foto: Boy Fotógrafo

Atenção nas matrizes

 

Uma fase da gestação precisa de uma atenção mais especial. Os três últimos meses são decisivos. Quando se fala da reprodução na pecuária, devemos focar não só nas matrizes, mas também nos bezerros.

O colostro é essencial para garantir a boa imunidade do animal nos primeiros dias de vida. Por isso, nesse período final, seque a vaca. Assim, a qualidade do leite será superior e todos os nutrientes direcionados ao bezerro.

Lembre-se, amigo produtor, que os cuidados com o gado não param. Quando se trata de matrizes, o antes, durante e depois do parto, garantem uma boa reprodução.

E ainda evitam problemas com a vaca e o bezerro que podem trazer prejuízos não só para a saúde dos animais. Mas para toda a propriedade.

Além de custos com medicamentos e veterinário, pense no sofrimento do animal. Bem-estar animal sempre!

Para isso, acesse as dicas:

Por fim, quer mais dicas sobre pecuária? Então acesse nosso conteúdo em formato de vídeo. Lá você encontra dicas rápidas e práticas que fazem a diferença na sua produtividade. Conheça: Boi Saúde no YouTube.

 
banner banner
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*