Carrapaticidas podem causar resistência nos parasitas?

Quando o gado e a propriedade sofrem com frequência ataques de parasitas, o produtor se vê obrigado a utilizar carrapaticidas consecutivamente. Mas será que esse uso contínuo não perde o efeito esperado?

Infelizmente, o carrapato é um parasita frequente na pecuária brasileira. Causa prejuízos à saúde dos animais que ficam fracos e sem apetite. Como resultado, apresentam a perda de peso. São parasitas transmissores de doenças graves. E isso reflete diretamente na produtividade.

A prevenção é a melhor forma de evitar sofrimento animal. Consequentemente, com gastos com medicamentos e consultas veterinárias. As doenças causas por esses parasitas são diversas. Entre elas, estão babesiose, que causa febre, anemia, indisposição. Sem contar com a tão temida Tristeza Parasitária Bovina.

 

carrapaticidas - Carrapaticidas podem causar resistência nos parasitas?
Carrapaticidas podem causar resistência nos parasitas? – Foto: Reprodução Internet

Uso de carrapaticidas com frequência pode causar resistência?

 

Para evitá-los, muitos produtores utilizam os carrapaticidas com frequência. Não apenas como forma de combate, mas também para prevenção. Porém, esse uso contínuo pode causar ineficácia do produto.

Os próprios parasitas podem criar uma resistência ao princípio ativo. Isso acontece quando há um uso de dose maior que a recomendada pelo fabricante.

Outro fator é a aplicação durante a seca, quando o mais indicado é no período das águas.

Não esqueça que garantir a sanidade do rebanho está entre os princípios do bem-estar animal. Manter seu rebanho com a saúde em dia é garantia de uma produção de excelente qualidade.

Por isso, mantenha seus animais sempre vacinados. Esqueça o manejo com violência. Trate-os  sem choques e espetos para que não tenham medo de humanos.

Lembre-se que tratar bem os animais é tratar bem dos seus negócios.

Além disso, previna-se. Utilize suplementos naturais e fortaleça seu gado de dentro para fora. O sal mineral é uma boa opção. O preço é acessível e o organismo estará protegido contra doenças.

O sal proteinado é outra sugestão viável. Para aprender a fazer o seu, confira: Como fazer sal proteinado para o gado: a receita.

Assim, estarão protegidos contra todos os insetos.

Agora, sobre os produtos caseiros, é possível fazer tratamentos. Existem terapias com alho, óleo queimado, óleo de neem, entre outros. Você já faz uso desse formato?

Você pode obter mais informações no link:  Controle de parasitas em bovinos com produtos caseiros.

 

Mantenha o pasto limpo 

 

Além dos carrapaticidas, outra forma de prevenção é a limpeza. Sim, amigo produtor, manter o pasto limpo é necessário.

E não apenas de lixo e lama. Quando o gado fica muito tempo no mesmo pasto, está mais sujeito a ser contaminado.

As propriedades que adotam o pastejo rotacionado têm grande redução desse problema. Se tem dúvidas sobre como implementar o sistema, acesse: Pastejo rotacionado atinge ápice nutricional do capim.

Escolher forrageiras que são mais resistentes também.

Para combater os parasitas internos com efetividade, acesse a dica e continue aprendendo: Vermífugo: qual o melhor do mercado. 

Valeu a pena a leitura dessa dica? Deixe seu comentário. Vamos compartilhar conhecimento. Como você combate os parasitas na sua propriedade? Queremos te ouvir!

Caso você prefira dicas de vídeos, acesse o canal: Boi Saúde no YouTube. Lá, você encontra um conteúdo acessível para melhorar cada vez mais sua produtividade.

 
Total Controle Premium - Carrapaticidas podem causar resistência nos parasitas?Total Controle Premium mobile - Carrapaticidas podem causar resistência nos parasitas?
 

Quais prejuízos o carrapato causa no gado?

Infelizmente, o carrapato é um parasita frequente na pecuária brasileira. Causa prejuízos à saúde dos animais que ficam fracos e sem apetite. Como resultado, apresenta a perda de peso. São parasitas transmissores de doenças graves, que refletem diretamente na produtividade..

Uso de carrapaticidas com frequência pode causar resistência?

Os próprios parasitas podem criar uma resistência ao princípio ativo. Isso acontece quando há um uso de dose maior que a recomendada pelo fabricante. Outro fator é a aplicação durante a seca, quando o mais indicado é no período das águas.

Como prevenir carrapatos e outros parasitas no gado?

Além dos carrapaticidas, manter o animal bem nutrido com sal no cocho auxilia na prevenção. Manter pasto limpo é outra estratégia, incluindo o pastejo rotacionado.

Os carrapaticidas são eficientes no combate aos parasitas?

Sim. Para evitá-los, muitos produtores utilizam os carrapaticidas com frequência. Não apenas como forma de combate, mas também para prevenção. Fique atento a forma de aplicação e evite a super dosagem para evitar problemas de saúde e resistência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*