Como escolher as melhores pastagens para gado?

Se você tem dúvida sobre pastagens na pecuária não se preocupe, pois você não está sozinho. A Boi Saúde recebe muitas perguntas frequentes e essa é uma delas.

A pastagem que vai alimentar seu rebanho não pode ser qualquer uma. A escolha tem que ser baseada em alguns fatores. Alguns deles são as condições climáticas e o valor nutricional que será oferecida durante o ano todo.

 

 

Antes da escolha das pastagens…

 
Bom, no momento que você decide que precisa ter melhores pastagens, te orientamos a definir critérios que irão incentivar uma tomada de decisão mais correta.

A primeira pergunta é: seu gado é de leite ou de corte? A resposta vai te dar uma direção e até excluir determinadas espécies.

Se a sua produção é corte, te perguntamos a sua fase: cria, recria ou engorda?

Feito isso, não deixe de adotar um procedimento muito importante para as propriedades que criam boi no pasto. Suspeita qual seja? A análise de solo.

Esse procedimento mostra se o solo tem alguma deficiência, ou seja, se falta algum nutriente realmente faça a diferença na engorda. Os sais minerais que estiverem com baixa porcentagem têm a chance de correção no próprio solo. O uso de um fertilizante adequado consegue resolver essa falha.

Entretanto, o pecuarista pode fazer essa correção direto no cocho com os aditivos. São eles, sal mineral, sal proteinado, virginiamicina, monensina sódica e ureia.

Para aprender a fazer seu próprio sal, não deixe de conferir: Como fazer sal proteinado para o gado: a receita.

 

pastagens
Como escolher as melhores pastagens para gado? – Foto: Edison Furlan/@edison_furlan

Como escolher as melhores pastagens para o meu gado?

 
Vamos pesquisar? Faça uma ronda aí na sua região. Verifique quais são as espécies de pastagens mais predominantes. Se elas estão aí, não é a toa.

O rendimento pode ser alto por já estar adaptada ao clima e solo do local.

Depois disso, se ainda continuar na dúvida entre duas ou mais forrageiras, temos uma solução. Observe a resistência de cada uma delas. Principalmente, resistência às cigarrinhas, que são uma praga na pecuária. Além de resistir bem no período da seca.

Essas duas informações vão te ajudar na escolha, com certeza!

Agora, fica um alerta! Cuidados com as espécies da moda. Muitas propriedades se empolgam quando alguma nova pastagem é divulgada. Ou até mesmo, fazem a escolha por relatos na internet. Esses dois casos podem nos levar a tomar decisões erradas.

Por isso, sempre se informe em sites de referência. Converse com seus vizinhos e amigos pecuaristas.

Oferecer as melhores pastagens para seu rebanho garante uma boa produtividade.

 

Conheça algumas espécies de pastagens

 
Para que sua escolha seja a melhor de acordo com as necessidades da sua região, solo e bovinos, separamos algumas espécies para facilitar sua pesquisa.

 

Essa dica foi relevante para você, amigo produtor? Não esqueça de deixar seu comentário. Compartilhe com a gente qual a espécie escolhida para a sua propriedade.

Além disso, continue com a Boi Saúde! Além do blog, temos muito mais dicas no nosso canal de vídeos. Toda semana, muitas novidades sobre como melhorar seu desempenho são publicadas. É só acessar: Boi Saúde no YouTube.

No mais, agradecemos sua leitura. Compartilhe esse blog com seus colegas. Vamos juntos tornar o Brasil o maior produtor de carne do mundo.

 
banner banner
 

6 pensou em “Como escolher as melhores pastagens para gado?”

  1. Cleiton Da Silva CABRAL disse:

    Boa noite , como Fasso pra representar os produtos da boi saúde?

  2. queria saber qual capim posso usar na Minha propriedade aqui em MG no meio do Eucalipto?

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Bruno, obrigado pela pergunta, sugiro que envie um e-mail para “contato@boisaude.com.br” para que possa obter uma resposta completa! Continue nos acompanhando, abraços!

  3. iraide Rodrigues de Oliveira Gusmão disse:

    Sou criadora de gado leite5. Minha propriedade possuí capim Mombaça anapie entre outros

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Iraide, que bacana! Obrigado pelo comentário, continue nos acompanhando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*