Você sabe quantos anos vive um boi?

Saber quantos anos vive um boi te ajuda com vários aspectos na propriedade. Desde a compra até o momento que ele deixará de produzir de forma efetiva.

Com isso, para um melhor planejamento, a Boi Saúde vai te indicar não só com essa informação, mas também explicando qual deve ser o manejo para que seu gado tenha uma boa saúde.

Não esqueça que o bem-estar animal precisa estar presente em todos os dias da lida! Assim, o seu gado viverá mais e melhor.

 

Quantos anos vive um boi?

 

Um boi vive em média entre 18 e 22 anos. Essa variação depende muito das condições que o animal vive.

Isso inclui: prevenção de doenças; forma como é tratado (bem-estar ou violenta); alimentação e nutrição de fácil acesso e boa qualidade; local onde vive.

Ou seja, quanto mais bem tratado, maior a chance de chegar aos 22 anos.

Quando o touro é reprodutor, o tratamento eficaz garante que o investimento realmente tenha valido a pena.

 

Como garantir que o boi tenha uma boa saúde? 

 

Vamos fazer uma lista e seguir por tópicos, ok?

Como o animal é formado desde a gestação da matriz;

O bem-estar animal desde o nascimento até os últimos dias de vida. O estresse pode causar diversos problemas de saúde. Um deles é afetar a engorda;

A facilidade de alimentos. Não basta largar o animal no pasto. A qualidade e quantidade contam muito;

O calendário de vacinas ser seguido de acordo com as recomendações dos órgãos governamentais;

Manter o local sempre limpo, sem foco de moscas, bactérias e parasitas;

Evitar acidentes. Seja no momento de transporte, seja dentro da propriedade. Todas as ações da lida devem priorizar a segurança em primeiro lugar, sempre.

Uma reflexão a se fazer é saber distribuir as tarefas entre os funcionários da propriedade. Assim, ninguém fica sobrecarregado e todas as atividades são cumpridas.

Para entender mais sobre essa distribuição, acesse a dica: Atividades e rotina do trabalhador rural.

 

quantos anos vive um boi
Você sabe quantos anos vive um boi? – Foto: Mundo Sindi

Qual o manejo adequado para que o boi tenha desempenho durante toda a vida? 

 
Bom, é uma soma de tudo citado acima.

Mas, você já se perguntou se o que oferece atualmente no cocho é o suficiente para manter a saúde do boi?

E quando citamos a palavra alimento é muito mais do que matar a fome do animal. É proporcionar uma nutrição para que o organismo funcione de forma adequada.

Ao consumir todos os nutrientes necessários, o bovino tem menos chances de desenvolver doenças, desde as mais simples, até as mais graves.

Caso seu gado seja criado no regime a pasto, nem todas as vitaminas e sais minerais são encontradas na forrageira. Daí surge a importância da suplementação no cocho.

O sal mineral na época das águas, quando se tem mais necessidade de minerais. Na seca, a falta de proteínas é maior. Com isso, nada melhor do que oferecer o sal proteinado.

Esses dois suplementos não são gastos extras. São, acima de tudo, investimentos que te darão retorno. Tanto que você pode até preparar na sua propriedade.

Te ensinamos o passo a passo aqui: Como fazer sal proteinado para o gado: a receita.

Complementar com a virginiamicina e ureia também cabe muito bem.

Para saber o que são e como utilizar, indicamos a leitura:

 

Por fim, quer saber como promover todas essas orientações citadas aqui? Além das dicas publicadas aqui no blog, que complementam o conteúdo, temos um canal de vídeo.

Lá, você encontra informações sobre como manter seu gado com saúde, aumentando a produção a cada nova safra. O acesso é totalmente gratuito. Basta clicar em: Boi Saúde no YouTube. 

 
banner banner
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*