Febre maculosa em bovinos

Causada por um parasita pequeno, mas que causa milhões de dólares de prejuízo em todo o mundo, a febre maculosa em bovinos é um grave problema. Transmitida pelo carrapato, que é uma praga no mundo animal, pode levar o bovino à morte.

Algumas propriedades têm grandes infestações por não fazer um trabalho de prevenção. Com isso, é preciso combater esse parasita para evitar a contaminação de todo o rebanho. É muito importante que o produtor faça a prevenção para deixar a propriedade livre. O carrapato causa doenças graves com prejuízos que podem ser irreversíveis.

É muito comum até animais domésticos, principalmente os que circulam livremente em locais com mato, serem também infectados pelos carrapatos. O ideal é que nenhum animal seja atingido e que a prevenção seja um dos focos da propriedade.

 

 

Ainda, o carrapato diminui muito a produtividade leiteira e o ganho de peso esperado. Outra doença transmitida é a tristezinha parasitária. Para saber o que é e outros detalhes, acesse a dica: Tristezinha parasitária: saiba como preveni-la.

Hoje, amigo produtor o foco não é nos bovinos. Mas sim em você e seus peões.

 

engordar bovino - Febre maculosa em bovinos
Febre maculosa em bovinos. – Foto: Reprodução da Internet

Como evitar a febre maculosa em bovinos

 

O carrapato estrela infectado, em contato com o humano, pode transmitir a febre maculosa. Os sintomas são parecidos com o resfriado. Dores de cabeça, náusea, corpo cansado.

O produtor precisa estar atento sobre esse risco de ser infectado. Se não diagnosticada e tratada corretamente, a febre maculosa pode levar a pessoa à óbito. Com a febre maculosa na pecuária não se brinca.

O alerta é para se antecipar ao problema, ao fazer a prevenção. A saúde do animal é muito importante e a dos humanos que estão no mesmo ambiente também. Faça a prevenção dos parasitas e tenha uma ótima produtividade.

Para se aprofundar no assunto, clique no link: Carrapatos em bovinos. 

 
Controle dos Parasitas - Febre maculosa em bovinosControle dos Parasitas mobile - Febre maculosa em bovinos
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*