Cuidados no manejo do gado de leite

Os cuidados do manejo do gado de leite estão baseados nos tópicos higiene, nutrição e bem-estar animal. É preciso ter um equilíbrio entre eles, que tem importância direta na quantidade e qualidade do leite produzido. E isso tudo, deve ser feito diariamente. E para que você tenha sempre muito sucesso na sua propriedade, vamos te orientar como promover esses itens da melhor forma possível.

 

Cuidados no manejo do gado de leite

 

Higiene

A forma como seu leite é produzido pode impactar a saúde de milhares de pessoas. Não só os consumidores, mas como os animais e profissionais que atuam na sua propriedades podem sofrer consequências nada agradáveis.

Existem protocolos que devem ser seguidos antes, durante e após a ordenha. Para saber como atuar em casa processo, orientamos a leitura da dica: Higiene na ordenha: o que fazer antes, durante e depois.

Ainda, todos os espaços onde há manejo do gado do leite e trânsito desses animais precisa ser livre de lama, fezes em excesso, lixo e insetos, como moscas.

 

Nutrição 

Gado bem nutrido, alta produtividade. E que produtor não quer uma pecuária de sucesso? Por isso, não deixe de focar no que seu gado consume no cocho. E essa atenção não deve ser apenas no período da seca. Mas, o ano todo! Aqui mesmo, no nosso blog, temos diversas dicas e receitas para promover uma melhor nutrição para o gado leiteiro. Para facilitar o acesso, é só clicar aqui: Ração para gado de leite: aprenda como fazer.

Outro elemento muito utilizado é a monensina sódica.  O uso tem foco na melhora do nível metabólico. Entre os benefícios, estão:

  • auxilia na digestão dos alimentos;
  • facilita o rúmen;
  • altera a produção de gases;
  • melhora o metabolismo energético e protéico;
  • pode ser inserida na nutrição a qualquer momento;
  • é indicada para todas as raças bovinas;
  • protege o organismo contra doenças e parasitas.

 

manejo do gado de leite
Manejo do gado de leite bem feito aumenta a produtividade. – Foto: Girolando GPF.

Gordura do leite 

O índice de gordura do leite é considerado importante pelo mercado, pois indica a qualidade do produto. Por isso, manter a gordura em altas concentrações é o mais indicado para uma boa produção e, consequentemente, alavancar seu negócio. As responsáveis pela produção e acúmulo de gordura do leite são as glândulas mamárias. Porém, os ácidos graxos são os protagonistas do índice dessa gordura. O rúmen é um dos principais fatores para a produção dos ácidos, por isso precisa de uma atenção especial.

 

Acidez do leite 

Segundo a Legislação Brasileira, um leite é considerado normal quando a acidez está entre 15 e 18ºD. Os produtores de gado de leite precisam seguir algumas regras para que o produto final não saia do padrão e seja descartado. Para isso, é necessário sempre mensurar e adequar a acidez do leite. Quando a acidez está em alta devido ao grande acúmulo de bactérias, o produtor precisa ficar atento à higiene do local e dos utensílios. Esses problemas ocasionam a mastite, por exemplo.

 

Bem-estar animal 

Garantir boas instalações, alimentos e suplementos de qualidade, água sempre disponível, não machucar, ferir e açoitar o gado. São apenas algumas ações que fazem parte do bem-estar animal.

Ter espaços com sombras para abrigo do calor e do sol forte. E ainda, tem regiões muito quentes, climatizar os espaços da ordenha.

Vamos mudar nossa cabeça, amigo produtor. Tratar bem os animais desde o nascimento fazer parte da pecuária. Para saber mais sobre o conceito, acesse: Bem-estar do gado: conceito deve estar presente na pecuária.

 
Boi Saúde Logo Preto - Cuidados no manejo do gado de leite

Total Leite Premium:
Suplemento completo para gado de leite!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo
Bitnami