Tipos de farelo para o gado

Os farelos estão entre as diversas alternativas para alimentação dos bovinos. Cada um tem função e nutrição diferentes. E como o que é servido no cocho tem um impacto significativo na engorda, vamos te explicar aqui quais são os tipos de farelo para o gado. Os farelos são utilizados quando a matéria prima da ração ou do próprio alimento estão em alta no mercado ou em uma determinada região.

 

Farelo de milho

 

É uma ótima forma de se oferecer na fase de recria. É muito utilizado em receitas para engorda. Ainda, é a melhor forma de se iniciar o oferecimento de milho aos bezerros, para facilitar a digestão. Pode ser usado na época de desmama, quando o produtor inicia a alimentação dos animassem torno das oito semanas de idade. Misturado ao farelo de soja, tem uma alta taxa de digestão:

A proporção da mistura ideal com soja para bezerros é:

  • Proteína bruta (entre 16% a 20%). Pode ser milho com farelo de soja, na composição de 21%. Ou milho com ureia, que deve ter o uso com cautela, na porcentagem entre 3% e 4%;

Já para animais adultos, é possível corrigir a deficiência de pastagem especificamente no período da seca. Prepare uma mistura caseira para amenizar os danos, conformo abaixo:

  • 12kg de ureia;
  • 25kg de sal branco;
  • 10kg de sal mineral;
  • 40kg de farelo de soja;
  • 30kg de milho moído.

 

Farelo para o gado auxilia na alimentação na alta dos preços
Farelo para o gado auxilia na alimentação na alta dos preços. – Foto: Gustavo Calixto.

Outros tipos de farelo para o gado 

 

Farelo de soja: fonte com alta concentração de proteína que chega a 52%. É ainda mais nutritiva que o próprio algodão, por isso, o preço costuma ser maior. Tem boa palatabilidade. As rações que utilizam farelo de soja na composição proporcionam engorda em torno de 1,2 kg/animal/dia.

Farelo de trigo: rico em fósforo e com 16% de matéria bruta, tem boa palatabilidade para  bezerros e animais adultos. Não garante um engorda potencial como o farelo de soja, mas pode ser uma boa alternativa nutricional na falta do algodão.

Farelo de algodão: muito utilizado na pecuária leiteira, é uma fonte de proteína e pode substituir o farelo de soja. É rico em fósforo e pode ser oferecido com ou sem casca.

Farelo de girassol: tem em torno de 38% de proteína. É também outra boa fonte para o gado leiteiro, sendo rico em fibras. Promove uma boa digestibilidade e pode ser oferecido também para bovinos de corte.

 

Complemente a nutrição no cocho

 

Amigo produtor, o alimento mais completo para o gado é a forragem. Mas como sabemos, nem todos os solos são nutritivos o suficiente para garantir a engorda, principalmente na seca. Manter sal no cocho o ano todo é imprescindível para manter as metas de engorda. E o principal, prejudicar a saúde do animal com falta de nutrientes está fora de cogitação. Algumas doenças como anemia e fraqueza podem acometer o gado, quando não é alimentado de forma adequada.

Para reforçar seus conhecimentos pecuários, saiba a importância de repor nutrientes essenciais para os bovinos: Por que devo oferecer cálcio e fósforo para bovinos?. 

 
Boi Saúde Logo Preto - Tipos de farelo para o gado

Total Corte Premium:
Suplemento vitamínico e mineral com virginiamicina!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo
Bitnami