Como saber se o meu rebanho está com vermes?

Gostou? Compartilhe!

Os vermes causam muito prejuízo na pecuária quando atingem o rebanho. Principalmente, quando as vítimas são animais jovens. As formas de transmissão são diversas. Para você saber se o problema está na sua propriedade, te convidamos para ler esta dica!

Segundo a Embrapa, a perda na produção de um rebanho acometido pelos vermes gira em torno de 20% e 30%. A prevenção é simples e barata. A base é a limpeza e higiene em toda a propriedade. Mas como identificar que o gado está com verme?

Acima de tudo, identificar o problema a tempo garante menos prejuízo, não só econômico. A saúde do animal também agradece. Você irá ler durante o texto os sintomas. Dessa forma, terá condições de agir rápido e promover um bem-estar animal adequado na sua propriedade.

Então, vamos lá?

 

 

Afinal, o que são vermes? 

 

São parasitas internos. A fonte de sobrevivência é baseada nas vitaminas, proteínas, açúcares e sais minerais consumidos pelo rebanho. Com isso, os vermes travam uma competição com o animal por esses nutrientes.

Sendo assim, o boi pode parar de crescer e se desenvolver de forma saudável e esperada.

 

Como saber se o meu rebanho está com vermes?

 

As larvas ficam na pastagem. E a partir do consumo da forrageira pelo animal, a contaminação é frequente. Diferente do carrapato e da mosca do chifre, é muito mais difícil você identificar se o gado está acometido pelos vermes.

Então, como saber? A partir da manifestação de alguns sintomas é que indicam alta taxa de verminose.

A primeira alteração é a pelagem. Quando o animal apresentar um pelo mais crespo e sem brilho pode ser sintoma de verme.

Caso o seu rebanho apresente barriga alongada ou até perda de apetite e diarreia passe a investigar.

Desidratação e anemia também estão na lista. A perda de peso é outro agravante. Já pensou se esforçar o ano todo para engorda e em uma única vez o bovino perder peso?

Todos esses sinais são uma indicação para a presença de vermes.

No período seco, o pasto fica mais baixo. Como resultado, o boi come não só a pastagem, mas a terra também. Infelizmente, é onde a contaminação é maior.

 

rebanho
Como saber se o meu rebanho está com vermes? – Foto: Boy Fotógrafo

Vermifugação injetável 

 

Caso a sua opção de vermifugação seja injetável, a época indicada é no começo e final do período da seca. No momento da escolha do produto, não deixe de consultar a bula e a aplicação.

O princípio ativo deve ter eficácia contra os vermes, de acordo com a proposta. Além disso, não causar intoxicação no rebanho. A data de validade também não pode passar batido.

Por mais que os vermes atinjam com mais frequência bovinos na fase da recria, manter todos protegidos é importante.

Se a sua propriedade atua com reprodução, não deixe de ler a dica: Posso aplicar ivomec em vaca prenha?

E se precisar consultar mais opções de vermífugos, te orientamos no conteúdo: Diferença entre vermífugos para bovinos.

 

Por fim, para mais conteúdo sobre pecuária, acesse nossos vídeos. Dicas para melhorar seu lucro com baixo investimento te esperam aqui: Boi Saúde no YouTube. 

 

Referência

Controle da verminose bovina. Embrapa Rondônia.

 
banner banner
 

2 pensou em “Como saber se o meu rebanho está com vermes?”

  1. Boa noite qual a dose para um bezerro de 7 meses e outro de 4 meses de ivomec?

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Carlos, obrigado pela pergunta, sugiro que envie um e-mail para “contato@boisaude.com.br” para que possa obter uma resposta completa! Continue nos acompanhando, abraços!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*