Qual o melhor sal mineral para gado de corte no mercado?

Entenda qual o melhor sal mineral para gado de corte.

 

 

Vários tópicos devem ser analisados quando o produtor for escolher qual o sal mineral irá oferecer ao gado. Porém, mais importante que o valor e a composição, é necessário analisar como o rebanho está consumindo esse sal, que não deve ser maior ou menor que o recomendado para que não haja desperdício de investimento financeiro e a não obtenção do resultado esperado.

Em muitas propriedades, o consumo gira em torno de 30 a 40 gramas de sal mineral por dia por animal, além da análise de outros fatores como tamanho do animal e quantidade de matéria seca disponível para consumo diário. Mas o consumo ideal gira em torno de 70 a 100 gramas de sal mineral por dia por cabeça. Na sua propriedade esse consumo é o alcançado? Observe para não ter prejuízos e ajuste a dose.

 

Sal mineral é importante componente para a nutrição animal
Sal mineral é importante componente para a nutrição animal. – Foto: Reprodução Internet

Baixo consumo de matéria seca

 

1- Geralmente o produtor mantém todo o gado no mesmo pasto, o que gera uma competição. Animais maiores consomem mais que deveriam e animais menores não se alimentam adequadamente. A solução é separar sua propriedade em dois piquetes com os animais de acordo com o porte;

2- O segundo fator é quando a troca do sal é feita, acontece a refuga. A solução para o problema é misturar farelo de milho ou de trigo com esse sal e ao longo do tempo, o produtor pode diminuir a quantidade desse farelo até que fique apenas o sal mineral. Se você estiver usando mais o sal mineral acima do indicado, pode misturá-lo com o sal branco;

3- O terceiro fator é o cocho. É preciso o espaço de sete centímetros por cabeça de gado para que não haja competição de todos. Se for sal proteinado, o espaço deve ser em torno de 15 cm. Uma dica: ao invés de fazer um cocho de quatro metros, é preferível você fazer dois cochos de dois metros cada e manter uma distância de seis metros entre eles. É imprescindível que o cocho fique perto da água dos animais.

 

Qual o melhor sal mineral para gado de corte: consumo por cabeça

 

Para você saber o consumo por cabeça de gado ao dia, você vai pegar a quantidade de quilos do sal, período em que foi consumido e o número de animais, divida um pelo outro, o resultado será o consumo de animal por dia.

Quer saber mais sobre o assunto? Acesse: Sal Mineral para bovinos.

 
banner banner
 

6 pensou em “Qual o melhor sal mineral para gado de corte no mercado?”

  1. Fernando José Alencar Ribeiro disse:

    TB estou iniciando minha criaçao e estou muito intusiasmado, vejo um futuro promissor para meu pequeno rebanho. Seguirei acompanhando o vídeos para que se Deus Quizer próximo ano está sentando meu rebanho.
    Tenho um bezerro que está demorando muito a curar uma bicheira nos testículos. O q devo usar com mais eficácia?

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Fernando, obrigado pela pergunta, sugiro que envie um e-mail para “contato@boisaude.com.br” para que possa obter uma resposta completa! Continue nos acompanhando, abraços!

  2. Aldemario Eufrasio da Silva Junior disse:

    Excelente dicas , realmente bate com a prática,

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Aldemario, obrigado pelo comentário, continue nos acompanhando!

  3. Joaquim Bebiano disse:

    Não tenho muito à acrescentar pois sou iniciante na atividade. Adquiri uma pequena propriedade onde estou iniciando a cria de 20 cabeças de animais, fêmeas e machos todos com idade aproximada de 1ano e 6 meses.
    Estou tentando aprender o que oferecer em termos de sal para esses animais durante todo ano.

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Joaquim, continue acompanhando nossos posts, eles irão te ajudar muito nesse começo e na continuidade!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Black Week