Curral para gado módulo 500: quais são as características?

Existem diversos tipos e modelos de curral para gado. O importante é que esse espaço atenda todas as necessidades do dia a dia da sua lida. Nesta dica, vamos abordar as características do curral modelo 500.

Acima de tudo, ter elementos e componentes que facilitam a lida é mais que necessário para manter uma alta produtividade.

Em meio a tantos processos de manejo, quanto mais bem planejado, melhor.

Por isso, amigo e amiga produtores, tentem ter a melhor estrutura na sua propriedade.

A melhor estrutura não significa a mais cara. Mas sim, a mais eficiente. Tudo deve ser feito de acordo com a sua realidade. Seja em tamanho da propriedade, seja financeira.

Fazer investimentos de acordo com o progresso do negócio é o ideal. Por isso, cuide bem da sua administração e finanças.

Feita essa recomendação, vamos partir para a nossa dica!

 

O que é curral? 

 

A própria Embrapa indica que o curral deve ser uma das prioridades no ramo da pecuária. É um espaço facilitador de algumas ações de manejo que são essenciais.

Podemos citar algumas delas:

  • apartação;
  • marcação e identificação;
  • descorna;
  • vacinação;
  • castração e pequenas cirurgias;
  • exames ginecológicos e inseminação artificial;
  • combate a endo e ectoparasitos;
  • coleta de tecidos animais;
  • embarque e desembarque.

Ou seja, todas essas atividades precisam que o gado seja fechado para serem realizadas de forma individual.

Com um curral que funcione bem, sua produtividade tem tudo para ser a melhor possível.

Se você tem interesse pelo assunto, confira:

 

Quais são as características do curral módulo 500? 

 

Como o nome diz, tem capacidade para 500 bovinos.

Entre as vantagens estão:

  • É bem resistente;
  • A construção é fácil;
  • Não demanda muito investimento financeiro;
  • Abriga um grande número de animais ao mesmo tempo.

A seguir, você vai ler algumas orientações para que o curral para gado modelo 500 tenha realmente uma função de melhoria na sua produção.

 

Onde instalar? 

Em primeiro lugar, o local escolhido deve ser plano. Além disso, ser de fácil acesso para conduzir, embarcar e desembarcar os bovinos.

Um dos lugares mais indicados é no centro da propriedade. Verifique a presença de possíveis acúmulos de água, o que não pode ter. Com terra firme e sem a presença de plantas invasoras, por exemplo.

 

Dimensão 

Bom, para caber 500 bovinos de uma vez, o espaço não pode ser pequeno, não é mesmo?

O que é necessário considerar são os 2 metros quadrados por animal. Afinal, essa metragem proporciona movimentação adequada e conforto.

Lembre-se sempre do bem-estar animal em todas as ações.

 

Como preparar o terreno? 

Em segundo lugar, faça uma boa limpeza do local. Isso inclui retirada de ervas daninhas, pedras e detritos, por exemplo.

Feito isso, marque o local. Um círculo na extensão do curral para gado pode delimitar onde será construído.

A inclinação deve ser de 2%. Dessa forma, a água escoada evitará a formação de poças de lama.

Além disso, a lama na propriedade causa várias doenças, como o amolecimento de casco.

Após essa preparação, uma camada de cascalho na área a ser construída cai muito bem.

 

curral para gado - Curral para gado módulo 500: quais são as características?
Um bom curral para gado tem embarcador, galpão e cercas adequadas. – Foto: Premolix Pré-moldados

Marcação 

Em terceiro lugar, a marcação precisa favorecer alguns fatores.

A posição é um deles. Ou seja, deve-se considerar a posição do sol para evitar longa exposição ao sol dos bovinos.

Evitar a insolação na parte lateral do galpão pode promover uma proteção extra à saúde.

Uma sugestão é a posição leste-oeste. Também é possível a plantação de árvores que irão proporcionar sombra, por exemplo.

Para saber o impacto do calor no gado, confira:

 

Materiais para construção 

 

Os materiais para construção podem ser madeira, desde que de boa qualidade e durável.

Para preservar melhor a estrutura, aplicar uma tinta na madeira pode evitar a degradação pelo tempo.

Os portões podem ser de ferro galvanizado. Você irá precisar dele para o brete e também no embarcadouro.

Na cobertura, telhas podem ser uma boa opção. Escolha um material que não esquente muito. Mas que, ao mesmo tempo, seja resistente.

 

Cercas 

Por ser um espaço fechado, o curral precisa de cercas.

Você sabe qual é a altura ideal para elas? Se responder dois metros e quinze (2,15), sua resposta está correta. Isso para as cercas externas.

Já para as internas, dois metros são o suficiente para evitar fugas.

As tábuas da cerca podem ter as dimensões: espessura de 0,04 m e largura de 0,16 m.

 

Galpão 

É um componente que abriga o gado não só no momento do manejo.

Pode proteger de tempestades, tempo frio e outras alterações climáticas. Não é só o calor que afeta o desempenho da pecuária.

O inverno, com baixas temperaturas, pode adoecer. Consequentemente, doenças respiratórias podem surgir: Controle de gado: como proteger do frio?

A cobertura pode ser de telhas de cerâmica.

 

Tronco

Por fim, para fechar o gado, nada melhor que o tronco.

Ali, vacinas e outros procedimentos veterinários podem ser realizados com segurança. Não só o boi que está ali, mas o peão fica seguro de acidentes.

Você não precisa construir um do zero. Alguns modelos já são pré-fabricados. Basta instalar.

Sem contar que hoje existem alternativas modernas.

Além dos manuais, já existem os modelos eletrônicos e hidráulicos.

Não deixe de ler: Tronco para vacinação de gado: posso usar o eletrônico?;

 

Então, amigo produtor e amiga produtora, essa dica tirou sua dúvida? Deixe seu comentário ao fim do texto.

E se quiser mais dicas e preferir em formatos de vídeo, acesse nosso canal: Boi Saúde no YouTube. 

 

Referência:

CURRAL PARA BOVINOS DE CORTE “MÓDULO 500” 2.’ Edição Revista e Ampliada. Circular Técnica. Embrapa.

 
Programa de Máxima Rentabilidade - Curral para gado módulo 500: quais são as características?Programa de Máxima Rentabilidade mobile - Curral para gado módulo 500: quais são as características?
 

2 pensou em “Curral para gado módulo 500: quais são as características?”

  1. Hans Gerhard Duck disse:

    As informações da BoiSaúde são sempre muito úteis.

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Hans, obrigado por nos acompanhar. Conte sempre com a Boi Saúde!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*