Quando e como fazer a descorna em bezerros

 

A descorna é uma ação muito comum no Brasil. Algumas propriedades estão investindo em raças mochas, aquelas que já nascem sem os chifres. Mas as que ainda não possuem essas raças podem fazer a descorna em bezerros.

A ação da descorna evita que os animais provoquem machucados e feridas entre eles. Não apenas em conflitos, mas também em momentos de transporte e manejo, quando são colocados muito próximos. Outra vantagem é que otimiza o espaço no cocho.

A descorna feita no animal ainda bezerro facilita para o produtor, pois é menor para ser contido e a recuperação é muito mais rápida. O estresse também é menor.

 

Descorna em bezerros deve ser feita até os dois meses de idade
Descorna em bezerros deve ser feita até os dois meses de idade

Descorna em bezerros

A idade indicada para descorna em bezerros é dois meses. Hoje, no Brasil, duas técnicas são as mais comuns:

1 – Química: consiste na colocação de uma solução líquida cáustica no botão de chifre do animal. Essa técnica é muito utilizada e pode ser feita entre a segunda e terceira semana de vida do animal.

2 – Térmica: a mais utilizada no Brasil. Consiste em utilizar o ferro quente que cauteriza o botão córneo do animal. O tempo ideal é entre três e quatro semanas de idade, quando o chifre está um pouco saliente. O ferro quente não deve ser colocado muito fundo. Mas apenas cauterizar a ponta já é suficiente para inibir o crescimento. O uso da pomada cicatrizante é fundamental para evitar lesões.

A época ideal para ambas técnicas é entre outono e inverno, quando a proliferação de moscas e parasitas é bem menor que no verão. Evite fazer o procedimento em épocas de chuvas. Lembre-se sempre: bem-estar animal em primeiro lugar.

 

Complemente essa dica, acesse: como diminuir o estresse dos bovinos.

 

Volumoso de Cana-de-Açúcar:
Receba receita para maior nutrição e economia na propriedade.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo
Bitnami