Pastagem: lote ideal, ganho de peso e altura do pasto

A pastagem é fundamental para engorda bovina. Porém, é preciso seguir alguns cuidados, como o tamanho do lote ideal, para obter o peso esperado. Não basta soltar os animais no pasto e esperar que, sozinhos, ganhem as arrobas para efetivar uma boa comercialização.

Pensando sempre em proporcionar e desenvolver um melhor desempenho aos nossos leitores, a Boi Saúde reuniu algumas dicas focadas no manejo da pastagem. São orientações básicas que irão auxiliar na sua produtividade. É preciso se preparar para sentir os primeiros resultados. Com isso, faça um calendário das ações que precisam ser feitas mês a mês, assim, você não perde nenhum manejo e otimiza seu negócio.

 

 

Lote ideal: número de animais no mesmo pasto

 

A dica é não exceder o número de 100 animais por lote. Essa é a quantidade limite para o produtor ter um controle melhor. Todo o rebanho deve ter o comportamento observado diariamente, pois qualquer mudança pode indicar que algo não está indo bem como algum indicativo de doença. Quando alguma enfermidade é diagnosticada no início, as chances de cura são maiores, além de evitar o risco de contaminação do plantel.

Outra indicação é que esses animais sejam separados por lote de idade aproximada. O que facilita o manejo, principalmente a alimentação, e diminui a competitividade no cocho. Ou seja, todos irão consumir a quantidade ideal para corresponder a expectativa de crescimento e engorda. Além disso, todos os animais do mesmo lote poderão ir para o abate no mesmo período.

Os mais jovens, por serem menores, têm dificuldade de acesso ao alimento. Para esses animais, o creep-feeding, local de entrada restrita a animais de pequeno porte é o mais indicado.

Um pasto intermediário também precisa ser separado onde será mantido animais para recria e engorda com alimentação específica para cada estação do ano.

 

Ganho de peso no pasto

 

Geralmente, o ganho de peso por animal ao dia considerado produtivo pode ser entre 200 gramas a 1,5 Kg. Porém, para reforçar esse ganho é variável. Diversos fatores impactam o ganho de peso no regime à pasto. Entre eles, estão:

  • região;
  • clima;
  • solo;
  • pasto;
  • raça;
  • bem-estar animal;
  • manejo adequado;
  • alimentação e água disponíveis;
  • e o mais importante: nutrição.

 

pastagem 1 1024x683 - Pastagem: lote ideal, ganho de peso e altura do pasto
Pastagem tem cuidados específicos para proporcionar bom ganho de peso do gado. – Foto: Pixabay

Lote ideal: Altura da pastagem 

 

Não deixe a pastagem abaixo dos 20 centímetros, pois contém alta quantidade de verminose no solo. Com uma régua ou trena comum, você pode medir a altura do pasto e deixar os animais em pastos com a medida ideal que é de 50 a 60 centímetros.

Se na propriedade, o trabalho é feito com o capim mombaça, em um pastejo rotacionado e adubado, a altura ideal de entrada dos animais é de 90 centímetros. O rebanho consome até os 40 centímetros, tamanho ideal para recuperação sadia. O desafio do produtor é manter esse equilíbrio entre altura máxima e altura mínima.

A braquiária brizantha tem altura máxima de manejo em 40 cm, deve receber o primeiro pastejo entre 30 e 40 cm.

 

Siga as dicas sobre pastagem e inclua a nutrição no cocho 

 

Não importa o período: seca ou água, a suplementação precisa estar sempre no cocho. A indicação é saber utilizar os suplementos corretos para cada estação e regime adotado. No caso da pastagem, mesmo no período das águas, é preciso corrigir as proteínas. Com isso, já indicamos a necessidade do uso do sal proteinado.

No período crítico da seca, o sal mineral com a ureia são aliados na prevenção da perda de peso e garante a manutenção das arrobas.

Ainda, a virginiamicina também auxilia com o peso e pode ser oferecida durante todo o ano.

Se desejar aprofundar o tema com mais detalhes, sugerimos a dica: Quais são suplementos mais usados em bovinos?.

Bem-estar animal e sanidade devem estar incluídos todos os dias na lida, além dos cuidados com a pastagem e suplementos. Agora que você já está com conhecimentos para ter boas arrobas, te desejamos uma ótima lida! E caso ainda tenha alguma dúvida, escreva nos comentários que em breve, iremos te auxiliar.

 

Não pare seus conhecimentos aqui, amigo produtor! Confira a dica Manejo correto da pastagem

 
SAL PROTEICO ENERGÉTICO - Pastagem: lote ideal, ganho de peso e altura do pastoSAL PROTEICO ENERGÉTICO MOBILE - Pastagem: lote ideal, ganho de peso e altura do pasto
 

8 pensou em “Pastagem: lote ideal, ganho de peso e altura do pasto”

  1. Boa noite ótimas informações muito obrigado so quero perguntar se o sal proteinado a amonia se molhar intoxica o gado?

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Claudinei, obrigado por nos acompanhar, o que não pode é deixar o cocho todo encoberto de água, pois sal proteinado com ureia na água é prejudicial e causa intoxicação. A orientação é fazer uma cobertura acima do cocho para prevenir que essa água se acumule e cause prejuízos na saúde do animal. Faça também furos para escoamento. O cocho também pode ser colocado em desnível, assim evita que a água fique acumulada.

  2. Gabriel Ribeiro disse:

    Dicas objetivas, parabéns pelo trabalho.

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Gabriel, obrigado pelo elogio, continue nos acompanhando!

  3. Luiz Carlos Franchin disse:

    Bom dia! Mais uma vez agradeço por todo esse conteúdo, sempre aprendendo.

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Luiz, obrigado por nos acompanhar. Conte sempre com a Boi Saúde!

  4. Rogério Humberto Moreira disse:

    Boa noite, muito proveitoso a explicação. Agradeço pela orientação. Sempre bom estar aprendendo mais e mais. Obrigado

    1. José Carlos Ribeiro disse:

      Olá Rogério, obrigado por nos acompanhar. Conte sempre com a Boi Saúde!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*