Carne maturada e carne marmorizada: entenda a diferença

Atualmente, muito se fala em carne maturada e carne marmorizada. Esses dois tipos de carne são considerados de alto padrão devido ao processo de produção e alta qualidade. Você sabe e a diferença entre elas? Aprenda e estude a possibilidade de produzir esses produtos na sua propriedade.

Com o paladar exigente, principalmente quando se trata de carnes, o brasileiro está cada vez mais seletivo. Pelo alto consumo de carne no país, as prateleiras dos mercados e até mesmo as casas especializadas estão oferecendo produtos diferenciados. E a carne maturada e carne marmorizada estão nessa linha.

 

Diferenças entre carne maturada e carne marmorizada

 

A carne maturada é conhecida pela maciez. Proporcionada pelo processo de maturação, no qual a estrutura muscular é auto-degradada pelas enzimas da carne. Esse é um processo natural. Portanto, sem interferência de aditivos químicos.

O consumidor a encontra em embalagens à vácuo, em cores escurecidas, diferentes das encontradas em bandejas comuns nos supermercados. Porém, após aberta a embalagem, a vermelhidão comum da carne retorna ao entrar em contato com o ar. Esse processo dura entre cinco a 10 minutos. Macia e com sabor acentuado, quando preparada tem aroma e textura muito saborosas e agradáveis. A raça mais utilizada para esse tipo de produção no Brasil é a Nelore.

 

Carne maturada e carne marmorizada (na foto) são conhecida pela maciez e sabor marcante
Carne maturada e carne marmorizada (na foto) são conhecida pela maciez e sabor marcante. – Foto: Reprodução Internet

Já a carne marmorizada é conhecida pela maciez devido ao alto teor de gordura intercalada na peça. Essa gordura é infiltrada na carne de forma intramuscular. O corte mais famoso é o entrecote, muito servido na culinária francesa. Porém, o hambúrguer também está em ascensão. As raças mais utilizadas para a produção de carne marmorizada no Brasil são a Angus, Wagyu e Nelore. É considerada uma das carnes mais caras disponível no mercado de carnes não só brasileiro, mas mundial. Em casas especializadas, o quilo desse tipo de carne pode chegar a R$ 300. Entretanto, esse valor depende da raça e formato de produção.

No Japão, a carne marmorizada é produzida pela raça Wagyu, onde os bovinos recebem tratamento especial como ração a base de cerveja. Além de escovação de pelos com saquê, bebida alcoólica tradicional do país, para auxiliar na maciez.

 

Preparo e gordura das carnes

 

Carnes macias têm como características a gordura. Porém, não são consideradas as mais saudáveis. Mas a forma de preparo pode auxiliar na diminuição dessa gordura. Como grelhada, churrasco e assadas. Além disso, essas formas de preparo acentuam ainda mais o sabor dessas carnes.

Para consumir carnes desse padrão é preciso estar atento ao modo de preparo. O desperdício de alimentos no Brasil é considerado um dos mais altos do mundo. Por isso, dar valor ao tipo de alimento que se consome e prestigiar o produtor, fazendo uso adequado da produto, é uma forma de prestigiar o nosso setor.

E você, produtor, já pensou em produzir esses tipos de carnes? Comece experimentando-as. Mas antes de tudo, estude se o mercado da sua região está aberto a esse tipo de produção.

 
Boi Saúde Logo Preto - Carne maturada e carne marmorizada: entenda a diferença

Virginiamicina:
Alavanque os resultados a com Virginiamicina!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo