Como conservar silagem de forrageira

O pasto é a principal fonte nutricional do gado. Por isso, oferecê-lo como silagem no período da seca garante uma frequência de engorda e garante uma alimentação de qualidade. Porém, existem algumas técnicas que ajudam a manter o material adequado para os bovinos, com o efeito esperado. Aqui, vamos abordar como conservar silagem.

É a alimentação baseada em forrageiras verdes e conservadas, em boas condições nutricionais para alimentar o gado. Além das forragens, cana de açúcar também pode ser oferecida nesse formato e grão também. A conservação é feita a partir de uma fermentação realizada no armazenamento. Pode ser oferecida no período da seca e produzida durante as águas.

 

Como conservar silagem

 

A conservação da silagem é muito importante para que os nutrientes das forrageiras sejam mantidos e consumidos pelo gado. Ainda, evita a degradação do material.

Para começar, você sabe o tamanho ideal da silagem de forrageira? A sua máquina deve ser regulada para produzir partículas entre 0,5 e 2,5 cm.

Na vedação, alguns aspectos importantes precisam ser tomados, como:

  • não deixar entrar água e ar no silo;
  • evitar a entrada de animais no silo e o trânsito deles ao redor;
  • faça furos na lona que deve ser branca. As escuras, como a preta, que inclusive são muito usadas, facilitam o aquecimento, que deve ser evitado;
  • o silo deve ser aberto apenas após 30 dias de fechamento;
  • retire a silagem apenas no momento de servi-la no cocho.

 

conservar silagem
Conservar silagem é método eficaz para manter o peso na seca. – Foto: Boy Fotógrafo/@boyfotografo

Por que manter a fermentação da silagem é importante?

 

A fermentação da silagem acontece a partir da ação de microorganismos presentes nos açúcares naturais das plantas. Fique atento a quantidade da matéria seca que é fundamental para manter essa fermentação adequada. O teor da matéria seca na silagem deve ser entre 26% e 38%.

 

Como saber se a silagem está adequada para o gado? 

 

Algumas propriedades armazenam a silagem entre uma estação e outra. Mas antes de servir ao gado, preste atenção nas seguintes características:

  • mofo. Caso o material apresente mofo, não o sirva aos animais;
  • a cor deve ser clara;
  • o cheiro deve ser agradável;
  • o pH deve ser inferior a 4,2.

 

Mais que silagem, mantenha a nutrição no cocho 

 

A silagem ajuda e muito, amigo produtor. Mas para manter sempre sua produtividade em alta, seus bovinos precisam de algo além. E a nutrição no cocho é o mais indicado. Os sais e a virginiamicina ajudam a promover a engorda e a garantir uma boa saúde dos animais.

O uso dos suplementos não deve ser apenas na seca, mas durante todo o ano. No período das águas, o produtor precisa fazer uma preparação alimentar e produtiva para que, na seca, o bovino evite perda de peso e produtividade. Se chegar nessa época saudável e com alto potencial de engorda em crescimento, será mais fácil mantê-lo.

Caso tenha dúvidas sobre como utilizar o sal proteinado, acesse a dica: Sal proteinado: entenda como o uso potencializa os bovinos. 

 

Referência: 
SILVA, José Marques da. SILAGEM DE FORRAGEIRAS TROPICAIS.
Embrapa Gado de Corte. Campo Grande, MS, ago. 2001 nº 51. ISSN 1516-5558.

 
Boi Saúde Logo Preto - Como conservar silagem de forrageira

Total Corte Premium:
Suplemento vitamínico e mineral com virginiamicina!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo
Bitnami