Oléo de Neem para gado: combate à parasitas

A resistência do organismo do gado à produtos e substâncias químicas para combate a parasitas está cada vez maior. Esse problema impacta diretamente na produtividade e o produtor precisa buscar alternativas, entre elas, está o tratamento natural. O uso do óleo de Neem para gado é um deles. Vamos descobrir juntos se essa alternativa é efetiva ou não?

Alguns produtores também preferem opções mais naturais para tratamento e prevenção de parasitas para evitar a contaminação de resíduos no produto final. Não muito conhecido pelo público geral, o óleo de Neem é uma boa alternativa. Por ser 100% natural, não tem componentes tóxicos como ingredientes e, consequentemente, não causa danos ao ambiente.

Tem capacidade para combater mais de 450 espécies de insetos e pragas que afetam a produtividade pecuária. Além de ser utilizado diretamente nos animais, pode ser pulverizado na propriedade.

Parasitas combatidos pelo óleo de Neem: carrapatos, bernes, moscas do chifre, mosca do estábulo.

 

O que é o óleo de Neem

 

Extraído de uma árvore de mesmo nome, originária da Índia, tem o nome científico de Azadirachta indica. Entre as diversos formas de usos, estão antimicrobiano, antiparasitário e anti-inflamatório. Chegou ao Brasil em 1986, no formato de sementes e tem um cultivo mais próspero em regiões com climas quentes. As folhas e as sementes são as partes com maior concentração de bioativos, por isso, são as mais utilizadas na produção do óleo. Para uso tópico em humanos, é utilizado como repelente.

 

Óleo de Neem para gado

 

No gado, a maneira mais fácil do aplicação do óleo de Neem é pulverizar o produto sob o animal. A dosagem indicada é 1 litro de óleo para cada 100 litros de água.

Aplique sempre em locais protegidos do sol. O melhor horário é no fim do dia, pois os raios ultravioletas podem eliminar o efeito do óleo.

Em casos de grandes infestações, deixe resíduos do óleo no pelo do bovino. Dessa forma, o parasita irá consumi-lo ao sugar o sangue do animal e o óleo de Neem irá afetar o sistema nervoso, fazendo com que pare de se alimentar. Assim, o parasita seca e cai no solo. Mesmo as fêmeas com ovos a serem depositados, são prejudicadas e impedidas de iniciar um novo ciclo de reprodução.

 

Oléo de Neem para gado não contamina o solo nem intoxica os animais
Oléo de Neem para gado não contamina o solo nem intoxica os animais. – Foto: Reprodução Internet

Na propriedade

 

Para pulverizar na pastagem, a indicação é fazer a seguinte dosagem: 100 ml de óleo de nem para cada 10 litros de água. A pulverização deve ser feita em todas as áreas onde os animais afetados pelos parasitas transitam. A melhor hora do dia é após o pôr do sol.

Informações muito importantes

  • para todas as formas de uso, é importante agitá-lo para que as propriedades se misturem para obter os efeitos esperados;
  • já citamos acima, mas para reforçar, não aplique quando o animal estiver no sol ou expo-lo após a aplicação. Você perderá tempo e dinheiro. Siga a orientação de sempre fazer o uso do óleo de Neem para gado após o sol se pôr.

 

Tratamento no cocho

 

Amigo produtor, sabemos que prevenir é melhor que remediar sempre! Por isso, nada mais importante que manter seu animal sadio o ano todo e evitar que ele se contamine com parasitas, que causam grande estresse. O animal fica debilitado e não se alimenta direito, ainda, pode desenvolver doenças graves como anemia e outras. Por isso, manter a suplementação com sal mineral, sal proteinado, virginiamicina e monensina (essa no caso de gado leiteiro) e compostos à base de enxofre é o ideal.

Referência:
BATISTA, Matheus da Cruz e GAI, Vivian Fernanda. Controle de ectoparasitas em bovinos de corte com óleo de Neem. Revista Cultivando o Saber. Edição Especial, 2016.

 
Boi Saúde Logo Preto - Oléo de Neem para gado: combate à parasitas

Controle Parasitário Bovino:
Receita para o controle parasitário para bovinos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

topo
Bitnami